Número total de visualizações de página

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

«Quanta Terra» apresenta o melhor do seu Douro!





“o carácter de um vinho é determinado pelo Terroir e a qualidade
é determinada pelo homem” Celso Pereira e Jorge Alves


Um tinto, grande reserva, de 2008 e um branco, reserva, de 2010, são as mais recentes apostas da empresa duriense «Quanta Terra», dos enólogos e sócios Celso Pereira e Jorge Alves.
Depois das excelentes criticas, por parte da comunidade enófila, aos anteriores néctares apresentados pela «Quanta Terra», os seus responsáveis orgulham-se de agora fazer chegar ao mercado o «Quanta Terra Grande Reserva 2008» e o «Terra a Terra Reserva 2010». Dois vinhos capazes de surpreender até os mais incautos.
O novo tinto, resulta da selecção de quatro das tradicionais castas da Região Demarcada do Douro. São elas, Touriga Nacional (60%), Touriga Franca (23%), Tinta Barroca (11%) e Sousão (6%). Vindimado manualmente este «Quanta Terra Grande Reserva 2008», estagiou durante 12 longos meses em barricas usadas de carvalho francês, tendo sido engarrafado em Dezembro de 2010.
De cor ruby, mostra-se estruturado e muito equilibrado na boca. Este néctar é um perfeito acompanhante de pratos de carne, caça e toda a cozinha tradicional portuguesa. Refira-se que o preço de venda a público ronda os 18 euros.
O outro vinho agora lançado é o branco «Terra a Terra Reserva 2010». Também ele vindimado manualmente, estagiou em cubas de inox e barricas usadas. Das castas Gouveio, Viosinho e Rabigato, este néctar apresenta-se de cor citrina e boa intensidade aromática, assim como uma excelente acidez. Com um teor alcoólico de 13,76%Vol., chega às melhores garrafeiras com um preço de venda a público que rondará os 10 euros.
Resta referir que a empresa «Quanto Terra – Sociedade de Vinhos, Lda.» foi constituída em 1999, por Celso Pereira e Jorge Alves, dois reputados enólogos do Douro, depois de terem iniciado uma rigorosa prospecção em dez propriedades do Cimo Corgo e Douro Superior, para averiguar da possibilidade de produzir vinhos tintos DOC/Douro. A maioria acabou por ser rejeitada, por não cumprirem os parâmetros previamente estabelecidos. Desta selecção ficou a Quinta do Tralhão onde, desde 1999, a «Quanta Terra - Sociedade de Vinhos, Lda», produz os Douro D.O.C. «Quanta Terra».
O «Quanta Terra Grande Reserva 2008» e «Terra a Terra Reserva 2010» serão distribuídos em Portugal pela empresa «CVQ».

Sem comentários:

Enviar um comentário