Número total de visualizações de página

quarta-feira, 5 de março de 2014

Portal Moscatel Galego Branco 2013: mais uma inovação da Quinta do Portal potenciando a moscatel

Vivo, elegante e fresco, o Portal Moscatel Galego Branco 2013 é a nova aposta do produtor do Douro Quinta do Portal, que assim marca o primeiro engarrafamento de um moscatel do Douro seco e valida o excelente trabalho que a equipa de enologia da Quinta do Portal desenvolve com esta casta.
O moscatel é uma casta que a Quinta do Portal tem vindo a saber explorar, potencializando as suas características e polivalência em muitos vinhos que têm sido recebidos com sucesso pelo mercado. Este produtor foi a primeira empresa vínica no Douro a usar esta casta em pequenas proporções nos seus vinhos brancos e o primeiro produtor a fazer um licoroso moscatel para ser servido como aperitivo, ao invés do habitual licoroso para consumir com uma sobremesa. A Quinta do Portal é uma verdadeira referência no trabalho de envelhecimento desenvolvido com a moscatel, conseguindo aliar a complexidade desse processo à excelente frescura própria desta casta. Exemplos disso são vinhos Portal Late Harvest ou o Portal DOC Douro Doce, que têm moscatel na sua composição.
Segundo as notas do enólogo da Quinta do Portal, Paulo Coutinho, o Portal Moscatel Galego Branco 2013, que terá um preço de venda ao público de 6,99 euros, revela “uma atractiva exuberância floral, com aromas frescos e cítricos, lembrando flor de laranjeira, cascas de laranja e rosa”. Na boca, o vinho denota “forte mineralidade e a mesma exuberância que encontramos no nariz”.
Este novo vinho, que chega ao mercado no início de Março, dirige-se preferencialmente a um público jovem e urbano, cosmopolita, que procura novos paladares vínicos.
Nova colheita do Portal Verdelho & Sauvignon
Um vinho lançado no ano passado e que teve grande receptividade – o Quinta do Portal Verdelho & Sauvignon -, tem uma nova colheita que promete voltar a surpreender.
Duas castas reconhecidas internacionalmente estão na génese deste vinho branco em tudo diferente do que o produtor vinha fazendo até então. Trata-se de um casamento entre duas castas onde cada uma tem contributos distintos: a verdelho para uma acidez e mineralidade inebriante e uma presença séria em boca, e a sauvignon blanc que contribui para uma excelência aromática extremamente limpa, frutada e floral, com notas de cedro.
O Quinta do Portal Verdelho & Sauvignon 2013 custará 7,50 euros e dirige-se a um público vasto, mas centra-se muito no consumidor que mostra uma especial apetência por provar novas sensações e sabores. O produto foi dado a conhecer no ano passado e foi muito bem sucedido nos mercados externos, uma vez que tem na sua composição castas que lhes são familiares.

Resta salientar que a Quinta do Portal, localizada na Região Demarcada do Douro, mais precisamente em Celeirós do Douro, no vale do rio Pinhão, abraçou o conceito “Boutique Winery”, dedicando-se à produção de vinhos DOC Douro, Vinhos do Porto de categorias especiais e Moscatel do Douro, tendo sido distinguida pela “Wine & Spirits” como uma dos 100 top Winery of the World. Possui, ainda, um complexo enoturístico constituído por duas unidades hoteleiras de charme, a Casa das Pipas e a Casa do Lagar, e um armazém de envelhecimento de vinhos desenhado pelo arquiteto Siza Vieira. Aos seus visitantes, disponibiliza também uma sala de visitas para provas e um restaurante gourmet que privilegia a gastronomia tradicional portuguesa, com a cozinha a ser comandada pelo chef Milton Ferreira.