Número total de visualizações de página

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015


Wine House Hotel da Quinta da Pacheca convida a celebrar
a Páscoa no melhor alojamento enoturístico de 2015



O Douro e a sua paisagem apaixonante convidam a uma curta e relaxante estadia nesta pausa de Páscoa. O Wine House Hotel, propriedade da Quinta da Pacheca, foi este ano galardoado com o prémio «Best of Wine Tourism», na categoria de ‘Alojamento’ e é o local ideal para passar duas noites reconfortantes, entre o lazer e a boa gastronomia.
O programa especial com alojamento em quarto duplo, especialmente criado para a época pascal, recebe os hóspedes com um vinho do Porto de boas-vindas. Durante a estadia, terá lugar uma visita guiada à Quinta, com direito a prova de vinhos, uma entrada dupla no Museu do Douro, pequeno-almoço buffet servido no restaurante, bicicletas à disposição e a oferta de uma garrafa em miniatura de um Porto Tawny Quinta da Pacheca. As crianças até aos doze anos são convidadas especiais e têm alojamento grátis, podendo ainda divertir-se com o tradicional jogo da caça aos ovos. Tudo por apenas 320 euros, sendo que o valor a aplicar na aquisição de uma terceira noite é de 95 euros. 
Conjugando a imagem moderna e clássica, o The Wine House Hotel da Quinta da Pacheca está instalado numa casa típica do século XVIII, que foi toda restaurada com respeito pela arquitectura original. Com o rio Douro a seus pés e o recortado montanhoso dos vinhedos no horizonte, mantém vivo o espírito familiar da quinta, até no mobiliário e no conforto proporcionado pelos 15 quartos únicos entre si.
Sendo uma das mais conhecidas propriedades do Douro, a Quinta da Pacheca é também um dos mais afamados produtores de vinho, tendo sido mesmo um dos primeiros a engarrafar com a sua própria marca, havendo referências à Quinta que datam de 1738. A propriedade, de 57 hectares, iniciou um novo ciclo de desenvolvimento em 2013, apostando no reforço da qualidade dos vinhos e na dinamização do Wine House Hotel, um dos seus ex-libris e uma das mais conhecidas unidades de ‘turismo de charme’ do Douro, agora alvo de uma das mais importantes distinções a nível internacional na categoria de enoturismo.