Número total de visualizações de página

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Portugueses mais preocupados com a estética
fazem esgotar capacidade da In Beauty

- feira está de volta à MEO Arena de 3 a 5 de Outubro


Os portugueses estão a dar crescente atenção aos cuidados de estética e beleza, de acordo com os últimos dados da Marktest, o que parece traduzir-se num maior dinamismo do sector, um dos poucos que resistiu aos efeitos da retracção económica, reflectindo-se esta tendência numa forte adesão das empresas à In Beauty - Feira Internacional de Cosmética, Estética e Cabelo.

O evento, que regressa à MEO Arena, em Lisboa, de 3 a 5 de Outubro, tem esgotados os 8 mil metros quadrados de capacidade expositiva com a presença de mais de uma centena de empresas, estando várias outras em lista de espera.

«Estamos a tentar corresponder a todas as solicitações, mas sem comprometer a elevada qualidade que está na base do sucesso alcançado pelas duas edições anteriores», revela a directora da feira, Carla Maia, recordando que a última In Beauty recebeu mais de 20 mil visitantes dos segmentos médio e médio/alto.

Este aumento da procura do evento por parte das empresas ocorre em simultâneo com igual tendência mostrada pelos consumidores nacionais face aos serviços de estética e beleza. Segundo os estudos revelados recentemente pela já referida empresa de estudos de mercado, uma em cada cinco mulheres diz ter recorrido a um centro de estética no espaço de um ano.

Esses dados, que mostram ser a tendência mais acentuada entre as mulheres mais jovens e de classes sociais elevadas, indicam também que mais de metade (54%) das mulheres frequentadoras de centros de estética fazem-no pelo menos uma vez por mês.
Por seu lado, os homens portugueses estão igualmente mais atentos a este tipo de cuidados, nomeadamente com os do rosto, sendo de 41,3% a percentagem dos que utilizam cremes e/ou loções para a cara. E, ainda de acordo com a Marktest, esse valor é o mais elevado dos últimos cinco anos.

«Atenta ao fenómeno, a In Beauty aprofunda a qualidade do programa para os três dias e valoriza a realização de eventos dentro do evento», aponta Carla Maia. Assim, além de revelar ao mercado novos produtos, equipamentos e serviços, a feira, que tem também como grandes atractivos os diversos shows e demonstrações, conta nesta terceira edição com a presença de um fashion advisor que dará consultoria individual e personalizada nas áreas de cabelo, maquilhagem e unhas.

Outra das fortes vertentes da In Beauty, a dos desfiles ligados à moda e tendências, estará desta vez centrada nas colecções da Mike Davis, de Micaela Oliveira e, ainda, de Liliana Aguiar que vai apresentar ali a sua marca de vestuário.

"Um programa rico e atractivo, a rigorosa selecção dos expositores e a qualidade dos profissionais, que procuram a feira para conhecer as novidades, darem a conhecer-se e estabelecerem negócios, são as nossas prioridades", sublinha a directora do evento. Daí a opção de «dividir e organizar o recinto da MEO Arena por áreas de negócio, de modo a proporcionar a melhor orientação ao visitante», justifica Carla Maia. Nesse sentido, o universo das unhas está centrado no espaço «Touch», o da estética e make-up dispõe do «Rise» e o dos cabelos alonga-se pelo espaço «Wave», sendo que, a par das actividades já referidas, em qualquer um destes espaços haverá também actividades paralelas e constantes, com muita animação e glamour.

«Esperamos ir mais uma vez ao encontro do pleno das expectativas das empresas e dos profissionais, e contamos que também o público se sinta realizado, tanto o profissional como o não profissional», diz ainda a responsável pela In Beauty, revelando que as expectativas são de atingir o patamar dos 25 mil visitantes com esta terceira edição.
Apresentação dia 30 no Porto

Rui Nunes desafia portugueses
a uma cidadania mais participativa


«Interpretar novas concepções para o exercício da política e da cidadania participativa, bem como apresentar propostas objectivas para a sua concretização nos tempos actuais», é o desafio lançado pelo professor catedrático Rui Nunes através do livro "Democracia e Sociedade", a apresentar publicamente a 30 de Setembro, no Porto.

Aprofundando o pensamento sociopolítico do autor, que vem defendendo publicamente ideias como a realização de eleições primárias para as lideranças dos partidos e a reequação das funções da Presidência da República, a obra é promovida pelo Departamento de Ciências Sociais e Saúde da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, de que é diretor, e será apresentada numa sessão que conta com intervenções do Bispo da Diocese, D. António Francisco dos Santos, e da Vice-Presidente da Câmara Municipal, Professora Guilhermina Rego.

Em "Democracia e Sociedade", Rui Nunes leva mais longe o seu pensamento quanto ao novo papel que os partidos políticos devem desempenhar na sociedade portuguesa, ao protagonismo activo que cada cidadão deve assumir cada vez mais na definição do seu futuro individual e colectivo e à reavaliação das instituições estruturantes da sociedade.
Social-democracia, reformas do sistema político e do Estado, revisão constitucional, modelo social europeu, economia, juventude, emprego e competitividade constituem, entre muitas mais, as áreas sobre que Rui Nunes se debruça nesta obra. «Tentei fazê-lo de uma forma não hermética e facilmente compreensível pelo cidadão comum», pois «o principal objectivo deste trabalho é convocar à reflexão conjunta e contrariar uma atitude geral de desinteresse dos portugueses no que respeita à construção da nossa sociedade», explica Rui Nunes.

Editado pela Almedina, o livro absorve também algumas das conclusões saídas dos debates temáticos que, desde há dois anos, Rui Nunes promove por todo o País através do 'Fórum Democracia e Sociedade - Uma Agenda para Portugal', de que é coordenador, e ainda das ideias que vem expondo nas colunas que assina regularmente em jornais de referência.


Rui Nunes
Grande impulsionador do Testamento Vital e primeiro presidente da Entidade Reguladora da Saúde, preside hoje ao Conselho Consultivo da instituição e à Direcção da Associação Portuguesa de Bioética; é director do Departamento de Ciências Sociais e Saúde da Faculdade de Medicina do Porto, onde lecciona, e integrou o Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida (2003-2009), sendo também actualmente Coordenador do Conselho Nacional para o SNS da Ordem dos Médicos. É ainda membro do Kennedy Institute of Ethics (EUA), do Hastings Center (EUA), da Biopolitics International Organization (Grécia) e da Academia Portuguesa de Medicina, bem como da International Society on Priorities in Health Care (Reino Unido) e da European Health Management Association. Coordena o Programa Porto Cidade de Ciência e foi administrador da Fundação Ciência e Desenvolvimento (Câmara Municipal do Porto) entre 2009-2013. Tem publicados 20 livros, entre os quais “Regulação da Saúde” e “Testamento Vital”, 190 trabalhos e pareceres e fez mais de 900 comunicações científicas em congressos e seminários, nacionais e estrangeiros.

Nova colecção home&décor já chegou!

Outono tem direito a festa Desigual Living



O Outono foi recebido em festa pela Desigual Living, que apresentou, na passada sexta-feira, dia 11, a colecção de home&décor para a nova época outono | inverno 15/16. O espaço portuense na Rua de Cefofeita n.º 378 voltou a encher-se de alegria e boa disposição com as novas peças que tornarão mais acolhedor qualquer lar nos tempos mais frios que se aproximam.
Esta nova colecção Outono/Inverno da Desigual Living integra roupas de cama e pijamas coloridos, roupões e atoalhados de banho, mantas e almofadas de sala, aventais, toalhas de mesa e outros acessórios de decoração e vestuário, sempre com as cores alegres e os padrões divertidos que distinguem a marca espanhola.
O primeiro showroom da Desigual Living em Portugal, concebido em parceria com a empresa de mobiliário moderno NoSolid, que detém o exclusivo nacional para distribuição do segmento, foi inaugurado em Julho último e tornou-se, desde logo, um marco numa das zonas mais animadas da cidade. Além de área aberta ao público, inclui um espaço concebido especialmente para o cliente profissional e também para o cliente de retalho interessado em revender os produtos das duas marcas: NoSolid e Desigual Living.
O convite fica aqui: Enfrente o Outono com boa disposição, venha conhecer as novidades e transforme a sua casa num lar Desigual. 

Contacto: 223 259 115 
Facebook: facebook.com/desiguallivingportugal